Por que a reposição é tão importante para o seu negócio?

Por que a reposição é tão importante para o seu negócio?

Elemento fundamental para o varejo, uma boa reposição de estoque aumenta o ritmo de vendas, gera mais receita e contribui para a produtividade da loja.

Um dos maiores prazeres do consumidor ao visitar uma loja é encontrar o exato produto que veio procurar disponível nas prateleiras. Consequentemente, uma das maiores preocupações dos profissionais do setor de varejo é a reposição adequada e rápida dos produtos que são mais requisitados no mercado.

No entanto, este assunto ainda pode gerar dúvidas acerca de sua real importância para o bom funcionamento da loja e, principalmente, sobre como realizar com eficiência esse processo. No artigo abaixo, você entenderá por que a reposição é tão importante para o seu negócio e como fazer uma reposição de estoque eficiente.

Boa leitura! 

O que é uma reposição de estoque

O que é uma reposição de estoque

Basicamente, a reposição de estoque é um procedimento comum e de fundamental importância para estabelecimentos que trabalham com vendas, podendo ser resumido ao abastecimento de produtos e matérias-primas após a venda e de acordo com as variadas demandas dos consumidores. Em outras palavras, a reposição de estoque serve para garantir que o produto que o consumidor venha a procurar nunca falte nas prateleiras.  

Para que esse procedimento seja feito de forma eficiente, muitos fatores devem ser levados em consideração, e o dono do empreendimento deve estar atento às maiores demandas de sua loja para que seus esforços sejam direcionados ao foco correto. A satisfação do cliente, muitas vezes, depende diretamente da disponibilidade dos produtos e, principalmente, se ele vai encontrar o que procura ao entrar em sua loja. 

Por que a reposição é tão importante para o seu negócio

Satisfação do cliente

Satisfação do cliente

Como dito anteriormente, a satisfação do cliente deve ser a prioridade em qualquer negócio, independentemente do ramo de atuação da empresa em questão. Assim, a preocupação seguinte é manter a satisfação desse cliente num nível aceitável. Uma das maneiras de garantir que isso aconteça é realizar uma reposição de estoque eficiente na loja. Isso porque o cliente que entra no seu estabelecimento e encontra com rapidez o que deseja tem muito mais chances (e motivos) para voltar a comprar com você do que aquele que sai da loja frustrado e de mãos abanando.  

“Produto que não está nas prateleiras não pode ser vendido”

É um termo popular para dizer que um estabelecimento sem uma boa reposição de estoque é um estabelecimento condenado ao fracasso. De nada adianta possuir uma grande quantidade de determinado produto armazenado se este produto não está visível aos consumidores e, portanto, não tem nenhuma possibilidade de ser vendido. Vale lembrar que o estoque serve para colaborar para uma reposição eficiente, e não para manter os produtos guardados para sempre.  

O capital dos seus negócios não pode ser investido em produtos que “sobram” nas prateleiras 

Além disso, é importante você ter em mente que os consumidores têm suas preferências e que nem todo produto é vendido do mesmo jeito. Isso quer dizer que o produto X pode ter mais procura do que o produto Y, por isso é válido que o produto X tenha certa preferência no processo de reposição do que o produto Y. Portanto, não invista o capital dos seus negócios em produtos que “sobram” nas prateleiras!  

Uma boa reposição de estoque é um diferencial competitivo  

Uma boa reposição de estoque é um diferencial competitivo  

Empresas que dedicam tempo e esforços para praticar uma boa reposição de estoque certamente ganham um diferencial competitivo no mercado, pois além de elevar o nível de satisfação do cliente, a reposição eficiente aumenta o ritmo de vendas, gera mais receita e contribui para a produtividade da loja. 

Como fazer uma reposição de estoque eficiente 

1 – Faça um inventário 

A prática do inventário pode parecer um tanto ultrapassada e tediosa no que se refere aos hábitos dos empreendimentos, mas lembre-se que a contagem de estoque periódica garante um excelente panorama de quais produtos precisam ser repostos com mais rapidez e quais podem ser deixados em segundo plano momentaneamente — é importante lembrar também que a demanda dos consumidores é fluida e muda a todo instante, por isso o inventário precisa ser feito regularmente. 

2 – Conheça as preferências de seus consumidores 

Conheça as preferências de seus consumidores 

Pesquisas de mercado são sempre bem-vindas! Quando o estabelecimento adota medidas para conhecer a fundo as preferências de seus consumidores, benefícios são colhidos de ambos os lados. Isso acontece porque, identificando exatamente do que seu consumidor precisa e, principalmente, o que seu consumidor prefere, você garante que sua reposição de estoque seja direcionada aos produtos certos e, melhor ainda, que seja feita de forma eficiente.

3 – Analise as demandas de cada produto

O chamado “giro de estoque” é um cálculo geralmente usado para auxiliar os empreendedores a estabelecer uma boa frequência de reposição. Basicamente, é uma ferramenta que determina a circulação de mercadorias, levando em consideração o número de vendas realizadas e a quantidade de produtos que precisam ser repostos. Dessa forma, o dono do empreendimento consegue perceber se seu estoque é suficiente ou se possui, por exemplo, um estoque excessivo. Portanto, analise com cuidado as demandas de cada produto e invista num estudo de qualidade do seu giro de estoque. 

4 – Faça uma gestão de entrada e saída

Uma boa gestão de entrada e saída colabora para uma reposição de estoque eficiente, uma vez que, ao controlar quais produtos entram e saem da empresa, o empreendedor consegue obter uma visão mais ampla do que precisa ser feito para garantir que nenhum produto falte nas prateleiras — e que nenhum sobre em excesso no estoque. Além disso, a gestão de entrada e saída contribui para um bom relacionamento com fornecedores, que precisam estar a par das demandas e das preferências dos consumidores também.

5 – Invista em treinamento e capacitação da equipe 

Invista em treinamento e capacitação da equipe 

Depois de tudo o que foi dito, é importante que você saiba que nada funciona realmente sem um time totalmente engajado. Por isso, investir em treinamento e capacitação da equipe nunca é desperdício de tempo e dinheiro! Lembre-se que um time que sabe o que, como e para quê faz o que tem que ser feito, é um time com muito mais chances e motivação para caminhar rumo ao sucesso. 

Neste artigo, você conheceu um pouco sobre a reposição de estoque e a importância deste procedimento para os seus negócios, assim como adquiriu algumas dicas de como realizá-lo com eficiência. 

Gostou do que leu? No blog da Delinte você encontra esse e outros artigos de alta relevância para o seu empreendimento. E não se esqueça de seguir a Delinte nas redes sociais!

Está gostando da leitura?

Inscreva-se na nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos

Ao submeter este formulário, você concorda com nossos termos de uso e declara que leu nossa política de privacidade. Você poderá se desinscrever a qualquer momento.
newsletter

Inscreva-se para receber as últimas atualizações

Assine a newsletter e não perca nenhuma postagem.

Ao submeter este formulário, você concorda com nossos termos de uso e declara que leu nossa política de privacidade. Você poderá se desinscrever a qualquer momento.
plugins premium WordPress

Dados enviados com sucesso!